R – exemplos de gráficos

A seguir exemplificamos, como referência rápida, algumas formas de preparar gráficos usando o ambiente de trabalho R.

  • Veja o artigo “R – Um ambiente de trabalho gratuito para análise e visualização de dados” para uma introdução.
  • O símbolo # indica um comentário, de acordo com convenção usada no R.
  • O número de exemplos é ainda bastante limitado. Ampliaremos este artigo ao longo do tempo com mais exemplos.
  • Para gráficos mais complexos pode ser melhor explorar as opções do pacote Lattice, ao invés das opções dadas aqui.

Exemplos com valores simples

Execute as seguintes linhas para criar os valores x, y e z que serão usados nos gráficos.

x <- 1:10     # cria os valores x para os gráficos
y <- x^2      # cria os valores y para os gráficos (como x^2)

z <- rnorm(n = 10, mean = y, sd = 5) 
# cria outros valores com flutuações ao redor de y

Gráficos simples

plot(x, y)              # gráfico simples com os pontos
plot(x, y, type = "l")  # gráfico simples com linha
plot(x, y, type = "b")  # gráfico simples com pontos e linhas
Exemplo simples usando a função plot.

Exemplo simples usando a função plot.

Opções

  • As opções abaixo podem em geral ser combinadas.

Limites do gráfico

# Gráfico com x entre 0 e 5, e y entre 0 e 30

plot(x, y, xlim = c(0, 5), ylim = c(0, 30))

Nome dos eixos

plot(x, y, xlab = "x values (cm)", ylab = "y values (arb. units)")

Exemplo com eixos definidos.

Exemplo com eixos definidos.

Título

plot(x, y, main = "exemplo")

Gráficos mono-log e di-log

plot(x, y, log = "x")
plot(x, y, log = "y")
plot(x, y, log = "xy")
Exemplo de gráfico log-log.

Exemplo de gráfico log-log.

“Ticks” do eixo

plot(x, y, xaxt = "n")       # plot gráfico sem ticks no eixo x
axis(1, xaxp = c(0, 5, 20))  # adiciona 20 ticks entre 0 e 5

plot(x, i, yaxt = "n")        # mesmo exemplo no eixo y
axis(2, yaxp = c(0, 100, 20)) # adiciona 20 ticks entre 0 e 100

# O exemplo acima não funciona para gráficos log. Veja explicação da opção yaxt usando:

?par

O exemplo acima não funciona para gráficos log. Veja explicação da opção yaxt usando “?par”.

Combinando gráficos

Para combinar os gráficos, execute o comando que cria o primeiro gráfico, seguido do comando que adiciona pontos ao gráfico plotado.

plot(x, y)             # cria o primeiro gráfico
points(x, z, col = 2)  # adiciona pontos em vermelho
Exemplo de gráfico com dois tipos de dados.

Exemplo de gráfico com dois tipos de dados.

Exemplos com funções

Funções simples

curve(1/(1+x), from = 0, to = 1)

Funções definidas previamente

f = function(x) 1/(1 + x)     # define a função
plot(f, from = 0, to = 1)     # plot a função entre 0 e 1
Exemplo de gráfico com função.

Exemplo de gráfico com função.

Exemplos com dados lidos de um arquivo

Para ler o gráfico de um arquivo data.csv, criado usando, por exemplo o Excel, execute a linha abaixo. A comando abaixo assume que o arquivo tem três colunas de valores e dá nomes “x”, “y” e “z” às colunas usando a opção “col.names”. A opção “header = F” indica que os valores não têm uma linha de cabeçalho.

dados <- read.csv("data.csv", col.names = c("x", "y", "z"), header = F)

Os gráficos podem ser criados com qualquer dos comandos abaixo.

plot(y ~ x, data = dados)
plot(dados$x, dados$y)
plot(dados$y ~ dados$x)

Para adicionar um segundo conjunto de dados em vermelho, execute o comando “points” depois de um dos comandos acima.

points(z ~ x, data = dados, col = 2)

As outras opções discutidas acima para mudar os eixos e colocar título continuam sendo válidas.

Salvando os gráficos

Os gráficos podem ser salvos diretamente a partir da interface do RStudio. Para salvar no script, após plotar o gráfico, use os seguintes comandos:

# uma opção para figuras em jpeg
dev.copy(device = jpeg, file = "exemplo.jpeg", width = 600, height = 500, res = 100)
dev.off()

# uma opção para figures em pdf
dev.copy(device = pdf, file = "exemplo.pdf", width = 600, paper = "USr")
dev.off()

Ajuda

Para obter ajuda, digite, por exemplo:

?plot
?points
?curve

As opções dos gráficos podem ser obtidas facilmente usando a tecla tab, digitando por exemplo (TAB indica que a tecla TAB é pressionada):

plot(TAB

O programa irá mostrar as principais opções que podem ser selecionadas.

Outras sugestões?

Se você tem outras sugestões para melhorar os gráficos, deixe um comentário abaixo.

Anúncios

Sobre Eduardo Yukihara

Pesquisador | Professor | Autor
Galeria | Esse post foi publicado em Prática e ferramentas, Publicações e marcado . Guardar link permanente.

4 respostas para R – exemplos de gráficos

  1. zecojls disse:

    Muito bom! O ambiente R permite explorar inúmeras funções. Em termos de praticidade, sempre usamos ferramentas mais simples e intuitivas, geralmente o pacote office. Mas para quem tem tempo e curiosidade, vale muito a pena utilizá-lo.

    Curtir

    • Obrigado pelo comentário. Eu acho particularmente atraente o fato de ser uma ferramenta gratuita tão polida. Temos usado o R bastante para análise de dados (logicamente não para tudo). Estamos preparando outros artigos sobre o R…

      Curtir

  2. Será uma junção do Gnuplot e Octave?

    Curtir

  3. marcello disse:

    muito bom. tenho uma duvida: como faço um fit exponencial do tipo a*b^x no R?

    Curtir

Dê também a sua contribuição ou sugestão.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s